Ethiopians



fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
O Ethiopians foi uma importante banda para a evolução do Reggae Music. Fundada em 1966, o som da banda era imponente e cheio de combinações. Originalmente, o Ethiopians era um trio composto por Leonard "Sparrow" Dillon, Stephen Taylor and Aston Morris. Dillon foi o integrante fundador. Por volta de 1964, o novo amigo de Dillon, Peter Tosh, ajudou-o a lançar sua carreira solo, tendo como produtores nada mais nada menos que Lee Perry e Coxsone Dodd.

Dillon tinha lançado apenas um hit chamado "Ice Water", quando ouviu Taylor e Morris cantando numa esquina, e os convidou para fazer backing para ele. A partir daí, decidiram fazer sua própria carreira. Quando Dillon sugeriu que todos começassem a gravar juntos, Taylor expressou interesse, enquanto Morris, compositor e guitarrista, era reticente. Ele eventualmente concordava com o que era discutido, e depois de muita conversa, Dillon os levou para o Studio One para gravar três músicas, incluindo "Live Good". Morris os deixou depois disso.

O distintivo som do Ethiopians, é caracterizado pela docura, pelas harmonias trabalhadas e pelo cunho social que envolvia a injustiça e o racismo, que perseguia os africanos desde os tempos coloniais. Dillon escreveu muitas músicas, e alegou que várias delas eram fruto de sua própria experiência. Ocasionalmente escreveu canções do amor, mas nunca sentiu confortável cantando-as. Depois da primeira sessão da gravação, os dois tinham executado um bocado e então Dillon voltou para o trabalho de construção de seu último empregador, Lee Robertson.

Ele ouviu Dillon cantar uma de suas canções no trabalho e adorou. Dillon o convenceu que sabia tudo sobre gravações e Lee concordou em financiar um single. O resultado foi "Train to Skaville", que tornou-se o hit "cartão de visita" do Ethiopians. Ficou tão popular que tiveram alguns problemas em produzir discos para suprir a demanda. Entre sua maiores canções, está "The Whip", o primeiro reggae com percussão. Eles usaram três garrafas para fazer efeitos de "click".

Em 1968 lançaram o single "Everything Crash". Os Ethiopians enfrentaram um forte crise financeira que acabou os levando a falência. Com nenhuns royalties recebidos, e incapaz de ter recursos para gravar, Taylor arranjou emprego em um posto de gasolina. Em algum dia de 1975, estava atravessando a rua e foi atropelado por uma caminhonete Chevy.

Taylor não resistiu e morreu com apenas 31 anos. Dillon e alguns amigos faziam uma festa naquele momento, e esperavam Taylor voltar com as bebidas. As más notícias chocaram a todos, e Dillon se afastou da música por uns tempos. Eventualmente, Dillon e Aston Morris se juntaram para reviver os Ethiopians, gravando e fazendo alguns shows nos anos 70.


fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
Leonard "Sparrow" Dillon (Faleceu em 2011 - Câncer Generalizado)
Stephen Taylor
Aston Morris



http://en.wikipedia.org/wiki/The_Ethiopians




Audio de "Mother’s Tender Care"
Duração: 03:04




Engine 54

Reggae Power

Woman Capture Man

Slave Call

Dread Prophecy

Let’s Ska and Rock Steady

Clap Your Hands

Sir J.J. & Friends

Owner Fi De Yard

Train to Skaville

Tuffer Than Stone

Skaville Princess


Ethiopians











Ethiopians

05/10/2011 - Mais uma lenda da Jamaica se despede: o adeus a Leonard Dillon do Ethiopians!
25/02/2008 - O Reggae perde mais um dos seus heróis: morre Joe Gibbs aos 65 anos! Veja no Surforeggae!
10/09/2003 - Gravadora Sanfoka lança pérolas "incógnitas" da música Jamaicana! Confira!
26/05/2002 - Última domingueira reggae com Afetos no Sem Eira nem Beira em São Paulo!




 

TRENCHTOWN
(Feminina)
Here I Am
Groundation
Rockers

Filme clássico de 1978
(Reggae)


O que você espera da cena reggae atual?
Que bandas clássicas ressurjam
Que bandas novas apareçam mais.
A cena reggae está legal para mim.


Resultado parcial
Historico de Enquetes


   Morgan Heritage
   Chronixx
   DUB INC
   Jah Defender
   Alborosie


   Igor Salify
   Vibração Sol
   Andread Jó
   Be Livin
   Angatu



APOIO DESENVOLVIMENTO